Categoria SEEJ

Agora a reforma sai

publicado em 22/11/2013, aqui

20131122085455366463e

O 1º Seminário de Gestão do Esporte Mineiro, aberto ontem, e que continua hoje, no auditório do BDMG, teve início não na plenária propriamente, mas nos bastidores, com a revelação, pelo subsecretário de Estado de Esportes, o ex-nadador Rogério Romero, de que finalmente a reforma do Mineirinho sairá do papel. Segundo ele, o trabalho terá de ser feito em duas etapas, por isso, o governo do estado vai abrir, inicialmente, licitação para a reforma externa: “Existem goteiras no ginásio e é preciso cuidar primeiro de toda a parte externa, para depois partirmos para a parte interna”.

Depois que essa etapa estiver concluída, será feita uma segunda licitação, para a reforma do interior. Romero não soube precisar, no entanto, as datas de início das obras. Segundo ele, na próxima semana deverá ser publicado o primeiro edital. Somente depois da conclusão desta fase é que haverá a segunda concorrência.

A recuperação do ginásio é considerada fundamental para que ele retome a condição de uma das principais arenas do país, voltando a receber eventos internacionais como jogos do Mundial e da Liga Mundial de Vôlei – as instalações receberam até provas de motociclismo, como a etapa brasileira do Mundial de Supercross de 1998.

No seminário, a atração maior do primeiro dia foi o secretário nacional do Esporte, Ricardo Leyser, que pela primeira vez esteve em Belo Horizonte. Segundo ele, o crescimento do esporte no Brasil está diretamente relacionado com a participação do Ministério dos Esportes que participa com convênios. Ele conta que em 2004 foi detectado o crescimento do esporte paraolímpico, por isso existe hoje um investimento maior nesse setor. “O Brasil passou a ganhar muitas medalhas nos Jogos Paraolímpicos, muito mais que nos esportes olímpicos. É porque existe um investimento feito que permite conquistas. No rastro das medalhas brasileiras vêm outros países.”

Isso se confirma com a criação de um Centro de Treinamento Paraolímpico, em São Paulo. “Fizemos um estudo comparativo com a Ucrânia.; Verificamos que o crescimento deles é simultâneo ao do Brasil e constatamos que a diferença é que lá existe um Centro de Treinamento específico. Então decidimos fazer o nosso.” Ele conta que é cada vez maior a participação de empresas estatais, como Correios, Embratel, Eletrobras, Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, BNDES, BNB, Petrobras e Infraero. “No ciclo olímpico, o governo vai investir um total de R$ 2,5 bilhões. Atende-se hoje a 21 modalidades olímpicas e 15 paraolímpicas.”

Formação Segundo ele, há uma grande preocupação com a formação, e, por isso, o foco do Ministério do Esporte na revelação e detecção de atletas. “As escolas são importantes. Os atletas são revelados e detectados por elas, depois burilados nos clubes.” Hoje, segundo Leyser, existem cerca de 80 convênios firmados com confederações, federações, clubes e associações. “Existem estados que são lacunas, mas estamos trabalhando para ajudar a todos. Compramos tatames de lutas para as federações, firmamos convênios para fins médicos, científicos, trabalho com a base, treinamentos, aquisição de equipamentos e viagens.”

Existem ainda competições apoiadas. “Cito a Liga de Desenvolvimento de Basquete (LDB), como exemplo. São 18 clubes que viajam e se hospedam com patrocínio do ministério. Competições desse tipo só existem porque o ministério participa e vê nelas o interesse no desenvolvimento de atletas e da modalidade no país.”

Convênio
Depois de proferir palestra no Secretário Nacional de Esporte de Alto Rendimento do Ministério do Esporte, Ricardo Leyser, realizou a entrega, durante um almoço, de equipamentos de treinamento para o Minas Tênis Clube, representado por seu presidente, Sérgio Bruno Zech Coelho e também pelo próximo dirigente do clube, Luiz Gustavo Lage, que tomará posse no próximo dia 31. O equipamento foi adquirido por meio de três convênios firmados com o Ministério, no valor de R$ 2,2 milhões. São materiais esportivos e tecnológicos visando à excelência nos Jogos Olímpicos Rio’2016. Com o material adquirido, o Minas pretende ampliar a preparação física, técnica e tática dos atletas. Serão atendidos cerca de 1.300 atletas de seis modalidades: tênis, vôlei (masculino e feminino), judô, natação, basquete e ginástica artística e de trampolim.

Leia o texto completo

Comitê da Irlanda escolhe Uberlândia como Centro de Treinamento em 2016

Publicado em 18/11/2013, aqui

rogerio_uberlandia

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo recebeu o comunicado oficial do Conselho Olímpico da Irlanda informando que Uberlândia foi formalmente aprovada como base de treinamento preferida para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos RIO 2016.

O Conselho Olímpico se reuniu semana passada com a Associação Paralímpica e com os representantes das Delegações Esportivas da Irlanda que visitaram a cidade e formalizaram a aprovação de Uberlândia como Centro de Treinamento Pré-Jogos para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos em 2016.

“É com grande satisfação que recebemos a notícia da escolha de Uberlândia como Centro de Treinamento Pré-Jogos. Agora daremos sequência às tratativas para a formalização do acordo. É importante ressaltar que esta conquista se deu devido a parceria firmada entre a Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude, todas as Secretarias Municipais envolvidas, além dos nossos vários parceiros. Estamos trabalhando fortemente para o desenvolvimento do Turismo Esportivo em Uberlândia e temos certeza de que esta será a primeira de muitas outras boas notícias que daremos”, disse o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Paulo Romes.

O próximo passo agora é assinar o MOU (Memorandum of Understanding), documento que descreve um acordo bilateral ou multilateral entre duas ou mais partes, e prosseguir com os planos para os Jogos de 2016.

Comitê visitou Uberlândia duas vezes

Através de uma parceria com a Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude de Minas Gerais – SEEJ, a cidade de Uberlândia recebeu em março deste ano a visita de 02 membros do Comitê Olímpico e 01 membro do Comitê Paralímpico da Irlanda, acompanhados pelo secretário-adjunto de Esporte e da Juventude, Rogério Romero. Na oportunidade, eles conheceram algumas estruturas esportivas da cidade e demonstraram interesse em retornar, com mais tempo, para outras visitas.

Uma segunda visita aconteceu no mês de outubro, quando 08 membros do Comitê Olímpico Irlandês retornaram a Uberlândia, acompanhados novamente do secretário-adjunto, Rogério Romero, para conhecer melhor as estruturas esportivas, a rede hoteleira, hospitais, restaurantes e tudo o que cidade tem a oferecer. Na ocasião, o chefe do Comitê Olímpico entregou ao prefeito uma carta de intenções demonstrando interesse em utilizar a cidade como centro de treinamento.

*SECOM

Leia o texto completo

Representantes do Comitê Paralímpico Britânico visitam a SEEJ

comite_britanico_seej

Na última terça-feira (12), uma comitiva da British Paralympic Association (BPA) esteve na Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude (SEEJ) para se reunir com o secretário de Estado Adjunto de Esportes e da Juventude, Rogério Romero. Em pauta, o plano de aclimatação dos atletas da Grã-Bretanha durante a preparação para os Jogos do Rio 2016.

Estiveram presentes ao encontro Georgina Sharples, gerente de Performance Senior, e Tara Smith, gerente de Preparação Paralímpica, ambas do BPA; Luciano Prado, representando a UFMG e o Centro de Treinamento Esportivo, Raquel Bernardes, assessora da Secretaria Municipal da Copa do Mundo, de Belo Horizonte, e Anna Pimenta, assessora de Relações Internacionais da SEEJ.

Os representantes britânicos tiveram a oportunidade de conhecer melhor a estrutura de Belo Horizonte e debateram com os integrantes das entidades mineiras a melhor maneira para receber os atletas paralímpicos britânicos, atendendo suas demandas em termos de local de treinamento, acomodação e logística.

Nos últimos meses, a SEEJ vem realizando ações de captação de equipes olímpicas e paralímpicas para sediarem seus treinamentos em Minas Gerais.

Minas nos Jogos Olímpicos

Minas Gerais possui 16 centros aprovados pelo Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, em nove cidades.  O Estado age conforme as garantias que foram dadas para que fosse uma das quatro unidades da Federação a receber os jogos olímpicos, além do Rio, também receberão jogos Minas Gerais, São Paulo, Bahia e o Distrito Federal.

Centro de Treinamento Esportivo

Parceria entre o Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude (SEEJ), e a Universidade Federal de Minas Gerais, o Centro de Treinamento Esportivo visa contribuir para a melhoria dos resultados do esporte de alto rendimento de Minas Gerais, promovendo a excelência no desenvolvimento integrado da ciência e tecnologia aplicadas. O complexo esportivo é composto por uma pista de atletismo de padrão internacional, que foi inaugurada no primeiro semestre de 2012; por um parque aquático contendo uma piscina de 65 metros com borda móvel, com previsão de conclusão para 2014, que atenderá a três das quatro modalidades aquáticas olímpicas; e um pavilhão para prática de lutas, ginásticas e esportes coletivos. Em 2013, a pista de atletismo está sendo utilizada por atletas mineiros e recebendo competições esportivas, como a etapa Estadual dos Jogos Escolares de Minas Gerais (JEMG), da qual participaram aproximadamente 1.200 alunos atletas.

Matéria: Renata Silva

Leia o texto completo

ABIH MG comemora o sucesso da II Edição do Congresso Mineiro de Hotelaria

Publicado em 12/11/2013, aqui

abih

A ABIH comemora o sucesso da II Edição do Congresso Mineiro de Hotelaria que ocorreu entre os dias 30 de outubro e 01 de novembro, no Minascentro, em BH/MG. Com temas referentes à hotelaria em geral, o Congresso contou com a presença de fornecedores e empresas prestadoras de serviços de vários setores, além de construtoras, hoteleiros, engenheiros, arquitetos, designers, prefeituras, secretarias do interior de Minas Gerais e profissionais da área de turismo e gastronomia.

Prestigiaram a solenidade de abertura as principais lideranças do trade turístico do estado e nacional como o Presidente da ABIH Nacional, Sr. Enrico Fermi Torquato; o Secretário do Estado de Turismo, Sr. Agostinho Patrus, o Presidente da Belotur, Sr. Mauro Werkema, a Presidente da ABIH MG, Sra. Patrícia Coutinho; o Presidente do BHC&VB, Sr. Antônio Claret Nametala; o Presidente da ACMinas, Sr. Roberto Fagundes, o Presidente do Sindhorb, Sr. Paulo Pedrosa; a Diretora da Tecnitur, Sra. Maria Elisa Ordones; o Secretário de Estado Adjunto de Esportes e da Juventude, Sr. Rogério Romero; o prefeito em exercício, Sr. Delío Malheiros; e Agmar Abdon, do Sebrae.

Nesta ocasião da abertura foi enfatizada a importância da ampliação do maior espaço para eventos no estado de Minas Gerais, o ExpoMinas, que é fundamental para gerar fluxo nos 52 novos hotéis que serão inaugurados na capital mineira.

por Marcos Alvim

Leia o texto completo

Ouvidora-geral recebe visita de Braulio Braz e Rogério Romero

Publicado em 9/10/2012, aqui

secretario-de-esporte-visita-celia-barroso

A ouvidora-geral do Estado, Célia Barroso, recebeu nesta terça-feira (9), na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte, a visita do secretário de Esportes e Juventude do Estado de Minas Gerais, Braulio Braz, e do secretário-adjunto da Secretaria de Estado de Esportes e Juventude, Rogério Romero.  No encontro a ouvidora-geral apresentou um balanço da Ouvidoria Geral do Estado (OGE) e falou das propostas e metas a serem alcançadas pela OGE dentro do modelo Gestão para Cidadania, do Governo de Minas. Participou da reunião o assessor de Tecnologia da OGE, Rogério Ribeiro.

Leia o texto completo

II Congresso Mineiro de Hotelaria tem início

img1383180460

Publicado em 30/10/2013, aqui

Direto de Belo Horizonte – Terminou agora à pouco a cerimônia de abertura do CONEX 2013 – II Congresso Mineiro de Hotelaria e Feira de Negócios que acontece até a próxima sexta-feira (1 de novembro) no Centro de Eventos Minascentro,em Belo Horizonte. O evento é realizado pela empresa Tecnitur, com o apoio de diversas entidades do setor e tem a Revista Hotéis como Mídia Oficial.

A abertura foi muito prestigiada por várias autoridades públicas como: Délio Malheiros, Prefeito em exercício de Belo Horizonte, Agostinho Patrus, Secretário de Turismo de Minas Gerais e Rogério Romero, Secretário municipal de esportes de Belo Horizonte. Entre os representantes de entidades, estavam: Enrico Fermi, Presidente da ABIH – Associação Brasileira da Indústria de Hospedagem, a Presidente da ABIH em Minas Gerais, Patrícia Coutinho, Antônio Claret Nametala, Presidente do Belo Horizonte Convention Bureau, Antônio da Mata, Presidente da ABAV-MG – Associação Brasileira das Agências de Viagens de Minas Gerais, Roberto Luciano Fagundes, Presidente da Associação Comercial e Empresarial de Minas Gerais, Mauro Werneck, Presidente da Belotur, entre outros.

Maria Elisa Ordoni de Oliveira, Diretora da Tecnitur, empresa responsável pela organização do CONEX 2013 iniciou os discursos agradecendo o apoio fundamental recebido pela Secretaria de Turismo de Minas Gerais, pela Prefeitura de Belo Horizonte e de todas as entidades que acreditaram neste projeto que foi organizado em pouco espaço tempo. “Este apoio de nossos parceiros é inestimável e foi fundamental para organizarmos este evento em tão pouco tempo e certamente será coroado de sucesso”, destacou Maria Elisa.

 

Em seguida o Presidente Fermi fez em seu discurso uma analogia da organização deste evento com uma escola de samba e atribuiu a Presidente da ABIH-MG, Patrícia Coutinho, a comissão de frente. Ele citou outros representantes de entidades como elementos fundamentais para o bom êxito deste evento que mostra uma grande sintonia entre prefeitura e estado que no ponto de vista de Fermi, sambam numa sintonia grande e salutar.

Já o Prefeito em exercício de Belo Horizonte, Délio Malheiros, que também é Secretário municipal do meio ambiente, destacou a importância que a Prefeitura de Belo Horizonte trata a hotelaria. “A hotelaria completa a cadeia do turismo, sendo o elo mais importante da economia mundial. Por isto, não medimos esforços para aprovar os 52 projetos de novos hotéis que vão mudar o perfil da hotelaria da capital mineira. Mas estamos cientes que a ampliação do Expominas é de vital importância para atrair mais eventos para aumentar ainda mais a taxa de ocupação para que estes investimentos hoteleiros sejam recompensados”, destacou o Prefeito Délio.

O Secretário de Turismo de Minas Gerais, Agostinho Patrus também enfatizou em seu discurso a importância da ampliação do maior espaço para eventos no estado de Minas Gerais. “A Câmara Municipal de Belo Horizonte deve aprovar em breve o Projeto de lei municipal de modificar o coeficiente construtivo do Expominas. Isto é o que falta para lançar o PPP – Parceria público privado e iniciar o processo para a licitação da ampliação deste espaço. Com isto, estamos convictos que o atual fluxo de turistas anual de 25,4 milhões e a geração de  R$9,3 bilhões em negócios em nosso estado, deverá aumentar de forma sensível”, destacou o Secretário Patrus.

Confira na galeria de imagens alguns momentos da abertura do CONEX 2013.

A reportagem da Revista Hotéis viaja e se hospeda a convite da Tecnitur para cobrir o II CONEC 2013

Leia o texto completo

Avaliação Positiva do COB

reunião-cte-24.03.11-001-1024x682

O Centro de Treinamento Esportivo de Belo Horizonte (CTE) recebeu avaliação positiva do Comitê Olímpico Brasileiro (COB). Após análise do projeto e visita às obras do CTE, superintendente Executivo de Esportes do COB, Marcus Vinicius Freire, considerou “positivo o modelo de centro de treinamento”. O dirigente do COB esteve em Belo Horizonte em companhia do consultor da entidade e presidente da Associação Internacional de Centros de Treinamento Esportivos de Alta Performance, Jukka Lahtinen.

“É um modelo de centro de treinamento que gostaríamos de ver pensados nas 27 unidades federativas brasileiras”, afirmou o dirigente do COB, elogiando também a parceria estabelecida entre a Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude (SEEJ) e a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) na execução das obras. “Esta parceria é, hoje, um caminho sem volta. É necessária a união dos entres públicos e a ciência para o aprimoramento do esporte de alto rendimento. Só desta maneira é possível aprimorarmos o esporte”, explicou Marcus Freire.

Leia o texto completo

Ginásio ‘Tigrão’ será municipalizado e reformado

Publicado em 29/09/2009, aqui

tigrao

O Prefeito de Itajubá, Dr. Jorge Mouallem, foi a Belo Horizonte (MG) na última semana, juntamente com o Secretário Municipal de Esporte e Lazer, Amauri Simões, e o vereador Robson Vaz, para se reunir com o Secretário Adjunto da Secretaria de Estado de Esporte e Juventude (SEEJ), Rogério Romero. Dr. Jorge foi solicitar a municipalização do Ginásio Luiz Carlos Tigre Maia, popularmente conhecido como ‘Tigrão’, que pertencia ao Estado.

O Prefeito de Itajubá não só conseguiu a transferência de posse do Ginásio do Estado para o município de Itajubá, como também anunciou a elaboração do projeto para execução da reforma do ‘Tigrão’, que será coordenado pelo Secretário Municipal de Esporte e Lazer de Itajubá.

Um anseio antigo da população e do município torna-se hoje uma realidade, pois a municipalização do ‘Tigrão’ atenderá, com qualidade, a comunidade, escolas municipais e estaduais, com a realização de jogos e torneios. “O Prefeito já determinou o início do processo burocrático para municipalização e a licitação da reforma, que receberá investimento do município, e solicitado também um recurso do Governo Estadual, pois assim o local terá administração da cidade com o apoio do Estado”, explicou o Secretário Amauri Simões.

 

Leia o texto completo

Belo Horizonte poderá ganhar a subsede das Olimpíadas 2016

Publicado em 06/08/2008, aqui

rogerio-romero-d-recebe-comissao-do-comite-olimpico-brasileiro_g_g_box

ELO HORIZONTE (06/08/08) – A capital mineira sediará jogos de futebol das Olimpíadas 2016, caso o Rio de Janeiro venha a ser escolhido como cidade-sede do evento. A inclusão da capital mineira na proposta que será enviada ao Comitê Olímpico Internacional (COI), em fevereiro de 2009, foi comunicada ao secretário-adjunto de Esportes e da Juventude, Rogério Romero, nessa terça-feira (5), em Belo Horizonte. O comunicado foi feito pelo gerente-geral de Relações Institucionais do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), Fábio Starling, em reunião na Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude (Seej).

“O Comitê Olímpico Brasileiro verificou o que as cidades brasileiras já oferecem em termos de infra-estrutura e o que pretendem realizar para sediar os jogos da Copa do Mundo de 2014, de forma a comprovar se elas atendem às exigências do Comitê Olímpico Internacional”, explicou o gerente-geral. Ele revelou que , além de Belo Horizonte, já está certa a indicação ao COI de Brasília, Salvador e São Paulo.

O Rio de Janeiro é oficialmente candidato a sediar as Olimpíadas 2016. Fábio Starling afirmou que o encontro com representantes do Governo do Estado e da Prefeitura de Belo Horizonte já foi uma reunião de trabalho, já que o Comitê Olímpico Brasileiro e a Comissão de Candidatura Rio 2016 apresentaram ao COI, em Lausanne, na Suiça, garantias que superaram as exigências apresentadas.

Eventos internacionais

“Essa é mais uma ação decorrente da política de governo de criação das condições necessárias para o recebimento de disputas internacionais de modalidades esportivas diversas”, explicou o secretário de Estado de Esportes e da Juventude, Gustavo Corrêa, lembrando que Minas Gerais já sediou competições internacionais de futebol, vôlei, tênis, natação e judô.

Gustavo Corrêa enumerou alguns torneios e jogos internacionais já realizados em Minas Gerais. “Em 2003, sediamos o Troféu Brasil de Judô. No ano seguinte, fomos sede do jogo Brasil e Argentina, pelas eliminatórias da Copa do Mundo de 2006, o que se repetiu este ano, pelas eliminatórias da Copa 2010. Em 2006, recebemos também a Seletiva Nacional de Judô. Em 2005, Minas Gerais recebeu os atletas para a etapa final da Copa do Mundo de Natação, o que se repetiu em 2006 e 2007, ano em que também sediamos pela primeira vez a Etapa Brasil da Copa do Mundo de Judô”, explicou o secretário.

Gustavo Corrêa informou que a etapa brasileira das Copas do Mundo de Judô de 2009 também será realizada em Belo Horizonte, como foi a etapa deste ano. Ele lembrou ainda que Minas Gerais foi sede, no ano passado, do jogo entre Brasil e Canadá, válido pela Liga Mundial de Vôlei e, em 2006, da partida entre Brasil e Suécia, válida pelo play off do grupo mundial da Copa Davis e do Aberto de Tênis de Mesa.

Presenças

Representando o Comitê Olímpico Brasileiro, participaram da reunião Fábio Starling, o diretor de Serviços dos Jogos, Ricardo Trade, e o consultor jurídico Rafael Lima. O Estado de Minas Gerais foi representado por Rogério Romero, João Victor Silveira Rezende, da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão, Inês Regina Ribeiro Soares, da Secretaria de Estado da Fazenda, e Fernando Rolla, da Auditoria- Geral do Estado. Sidney Jairo Zabeu e Paulo Roberto Prestes (SMAES), Rodrigo Perpétuo (SMARI), Izabel Dias (SMPL), Mauro Rubens Silva Soares e Marco Aurélio Penzin (Belotur), Kátia Kauark Leite (BHTRANS) representaram a administração de Belo Horizonte.

Leia o texto completo

Evento marca o lançamento da Copa FECEMG 2013

Publicado em 30/07/2013, aqui

fecemg

A Federação de Clubes do Estado de Minas Gerais (Fecemg) lançou na noite dessa segunda-feira, 29, a 3ª Copa Fecemg. O coquetel, realizado no Minas Tênis Clube, reuniu dirigentes de entidades esportivas de Belo Horizonte e do interior.
Estiveram presentes o presidente do Minas, Sérgio Bruno Zech Coelho, o presidente da Fecemg Marcolino Oliveira Pinto Júnior e o secretário Adjunto de Esportes e da Juventude Rogério Romero.
O secretário falou da importância do investimento em eventos como a Copa Fecemg. “Minas Gerais é um Estado cujos clubes têm tradição e a sociedade é vinculada a eles. Valorizar eventos interclubes só engrandece nossas instituições”, destacou.
O presidente da Fecemg agradeceu a SEEJ pela parceria no evento e elencou as finalidades da Copa. “Este é o maior torneio interclubes do Estado e nosso objetivo é alcançar pessoas de 11 anos até 50, 60… É oferecer aos sócios dos clubes a chance de se divertirem e saírem do sedentarismo com a prática esportiva. Mais do que competir, o objetivo na Copa Fecemg é confraternizar”, afirmou.
A competição irá reunir desportistas a partir dos 11 anos de idade para disputas de futebol, futsal, futebol society, peteca, voleibol, vôlei de areia, buraco, sinuca, damas e truco. Podem participar sócios de clubes filiados à Fecemg da capital e do interior. A partir do dia 05 de agosto serão realizados congressos técnicos para definição do número de participantes, locais e datas da competição.
O Governo de Minas, através da Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude, celebrou convênio com a Fecemg destinando R$ 80 mil para a realização da Copa. Os valores serão destinados ao pagamento de taxas de arbitragem e premiação.

 

Matéria: Renata Silva

Leia o texto completo