Políticas Públicas foram debatidas na 1ª Jornada de Esporte e Turismo Sustentável

Publicado em 31/05/2014, aqui

Bo9_TZQIUAAyvw5

Uberlândia mais uma vez foi palco de grande evento voltado para as áreas de esporte e turismo. Sexta (30) e sábado (31) foi realizada a 1ª Jornada de Esporte e Turismo Sustentável (Jets). O sucesso do evento é resultado de um trabalho de parceria entre a Prefeitura Municipal, por intermédio das Secretarias de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Governo, Saúde, Fundação Uberlandense de Turismo, Esporte e Lazer (Futel) e parceiros do setor privado. 
Nesses dois dias, o Center Convention ficou mais colorido, com estandes repletos de informações e produtos sobre alimentação e vida saudável, além de um público diferente. Pessoas e empresas em busca de qualidade de vida.
Além de profissionais consagrados como Bella Falconi, Gustavo Borges, Márcio Atalla e Vanderlei Cordeiro de Lima, a jornada também foi otimizada à prática de diversas modalidades esportivas e palestras. Teoria e prática aliadas a informações importantes para o público de idades variadas e profissionais ligados aos setores. 
Uma das palestras foi do secretário adjunto de Turismo e Esporte de Minas Gerais, Rogério Romero. Ele abordou sobre as polícias públicas para o esporte e calendário esportivo. Após a palestra, o público também participou de um debate entre as entidades esportivas e o poder público. A importância e dever de cada um nesse emaranhado de oportunidades para melhor servir e atender as pessoas.
Romero destacou que este é um marco importante para Uberlândia no que diz respeito ao poder público, que demonstra grande interesse e preocupação com a qualidade de vida das pessoas e com o turismo sustentável. “Acredito que quando se unem esforços dos setores público e privado, todos ganham e os governos, tanto do Município quanto do Estado, têm buscado esse resultado através de ações como o combate ao sedentarismo, por exemplo”, disse.
O secretário adjunto abordou ainda a importância em realizar ações que demonstrem a necessidade de não apenas viver mais, mas viver melhor. Para ele, é fundamental que as empresas patrocinem projetos no sentido de melhorar a vida das pessoas através de estímulos para que todos possam ter acesso garantido à saúde. “Quando investimos em prevenção, os resultados na queda de problemas de saúde é notório. E é aí que entram as políticas públicas que estimulam empresas para ofertar condições acessíveis e a custo reduzido para que as pessoas possam frequentar academias, estudar e se tornar multiplicadores”, destacou.
Bo_rFjVIIAAcFZn
Turismo Sustentável
No caso do turismo sustentável, é necessário acima de tudo, buscar a compatibilização entre os anseios dos turistas e os das regiões receptoras, garantindo não somente a proteção do meio ambiente, mas também estimulando o desenvolvimento da atividade em consonância com a sociedade local envolvida.
Para Rogério Romero, desenvolver o turismo de forma sustentável também implica em ações que sejam socialmente justas, economicamente viáveis e ecologicamente corretas, isto é, que atendam as necessidades econômicas, sociais e ecológicas da sociedade.
A Jets também teve a participação da Câmara Municipal de Uberlândia, Serviço Social do Comércio de Minas Gerais (Sesc Minas), Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), Uberlândia Convention Visitors and Bureau (UC&VB), Avit, Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Serviço Social da Indústria (Sesi), Universidade Federal de Uberlândia (UFU), Centro Universitário do Triângulo (Unitri) e Faculdade Presidente Antônio Carlos em Uberlândia (Unipac).
Tags:  

Leave a reply

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>