Flávia Delaroli tagged posts

Top 3 do Pan de 2003

Publicado em 10/07/15, aqui

Nesse episódio, as três coisas mais legais do Pan de 2003 em Santo Domingo (República Dominicana), com ênfase não exclusiva na natação.

Os resultados completos da natação estão aqui:

Top 3 vai para…

O bronze de Joanna Maranhão, então com 16 anos, nos 400 medley (4:46.38). No ano seguinte, Joanna seria finalista olímpica com um tempo que até hoje não repetiu. Quem sabe agora em 2015?

joanna_2003

Top 2 vai para…

A melhor colocação de uma nadadora feminina desde 1951 até então, a MEDALHA DE PRATA de Flávia Delaroli nos 50L (25.44).

delaroli

Top 1 vai para…

Os ouros masculinos:

Fernando Scherer, tricampeão dos 50L (22.40)

Rogério Romero nos 200C, repetindo sua conquista de 1991, com 1:59.92.

4×100 Livre (Gustavo Borges, Carlos Jayme, Jader Souza e Fernando Scherer).

2003_08_13_2296_3

Leia o texto completo

Swimming Hall of Fame: esqueceram de nós

Neste último fim de semana, Gustavo Borges teve a honra de ser homenageado no International Swimming Hall of Fame. A mídia em geral, e o próprio Gustavo, acabaram dizendo que a honraria seria para o segundo brasileiro (a primeira foi Maria Lenk, nomeada em 1988).

Jon e Gustavo: esta dupla deu muita alegria. (divulgação)

Na verdade, mais dois atletas de maratonas aquáticas estão imortalizados no Museu: Igor de Souza e Abilio Couto (ambos de maratonas aquáticas). O espaço é para os esportes aquáticos, condecorando inclusive dirigentes como o atual presidente da FINA, o uruguaio Julio Maglione.

Gustavo Borges, que recebeu a distinção do seu ex-técnico de Michigan, Jon Urbanchek, foi um dos 3 nadadores (de piscina, que fique claro) a serem escolhidos. Ele depois se desculpou pelas redes sociais, mas o erro foi induzido e totalmente compreensível.

De qualquer forma, a escolha foi merecida. Parabéns Gustavo!


Este texto foi originalmente publicado no site do iG (colunistas.ig.com.br/rogerioromero

Leia o texto completo