Aldo Rebelo apresenta ações do ministério em reunião do Conselho Nacional de Esporte (CNE)

Publicado em 20/03/2014, aqui

Com a presença de representantes da comunidade esportiva brasileira, como ex-atletas e dirigentes de federações e de confederações, o ministro Aldo Rebelo prestou contas aos membros do Conselho Nacional do Esporte (CNE), na manhã desta quinta-feira (20.03), das políticas desenvolvidas pelo ministério. Durante a 27ª reunião do CNE, ministro e secretários apresentaram ações como a organização da Copa do Mundo de 2014, os programas de benefício aos atletas e a evolução da gestão pública do esporte no país nos últimos anos.

“O Brasil está pronto para sediar a Copa do Mundo, que, além de ser o maior evento esportivo do mundo, é uma oportunidade para o desenvolvimento do país”, afirmou Aldo Rebelo. Ele ressaltou a importância do Mundial para o povo brasileiro e os benefícios que ficarão para a sociedade, como os 12 estádios de futebol, os centros de treinamento, a ampliação de portos e aeroportos, a geração de 3,6 milhões de empregos e as obras de mobilidade urbana. O ministro destacou ainda o legado cultural da Copa e dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos Rio 2016 e a importância de programas sociais como o Segundo Tempo/Forças no Esporte e o Segundo Tempo/Mais Educação, executados em parceria com as Forças Armadas e com o Ministério da Educação.

O secretário nacional de Esporte de Alto Rendimento, Ricardo Leyser, apresentou os investimentos do governo federal no esporte olímpico e paraolímpico, incluindo os 285 Centros de Iniciação ao Esporte (CIEs) que serão construídos em 263 municípios brasileiros, de todos os estados da federação, com recursos do PAC 2. Leyser afirmou que 2013 se revelou o melhor ano em termos de resultados nas competições de alto rendimento. “Foram 30 medalhas em campeonatos mundiais, das quais 27 em modalidades olímpicas e três em não olímpicas. No esporte paraolímpico, foram 71 medalhas. Em 2009, no primeiro ano após os Jogos de Pequim, conquistamos nove medalhas. No pós-Atenas, 11. Os resultados de 2013 significam o triplo de medalhas da nossa média histórica.”

Leyser disse ainda que os investimentos do governo federal estão dando suporte ao esporte brasileiro por meio de programas como as bolsas Atleta e Pódio e de convênios com confederações e clubes formadores de atletas. Ele destacou a importância da Rede Nacional de Treinamento, que prevê a instalação de centros de referência em vários estados, com recursos do Plano Brasil Medalhas.

Ao apresentar a nova estratégia de implantação do esporte educacional no país, o secretário nacional de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social, Ricardo Cappelli, mostrou a priorização dos convênios do Programa Segundo Tempo em parcerias com o MEC (Mais Educação) e as Forças Armadas (Forças no Esporte). “Estamos diante de uma belíssima oportunidade. O desafio sempre foi colocar o esporte na escola, e essa parceria com o MEC nos dá essa condição, pois este ano atenderemos a cerca de quatro milhões de crianças. O Mais Educação coloca o esporte na agenda da escola brasileira”, definiu o secretário.

A evolução do futebol feminino foi apresentada pelo secretário nacional de Futebol e Defesa dos Direitos do Torcedor, Toninho Nascimento. Ele citou as ações desenvolvidas pelo ministério na área, como o Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino, realizado depois de 11 anos, a Copa Libertadores, que no ano passado aconteceu em Foz do Iguaçu (PR), e a criação do Centro de Excelência do Futebol Feminino, também em Foz do Iguaçu, com apoio da Lei de Incentivo ao Esporte.

Aldo Rebelo encerrou a reunião pedindo aos participantes que no próximo encontro do conselho sejam discutidas as estratégias para a 4ª Conferência Nacional do Esporte. De acordo com o ministro, o evento deve tratar de assuntos que inovem e agreguem valor às resoluções tomadas nas três últimas conferências realizadas.

Clique neste link e confira os nomes dos integrantes do Conselho Nacional do Esporte (CNE)

Cleide Passos
Ascom – Ministério do Esporte

Leave a reply

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>