Como eram as férias da natação?

Voltei recentemente das férias de fim de ano. Praia com família, um programa muito comum (percebe-se pelo tanto de pessoas neste mesmo espaço).

Nadar no mar? Não me aventuro. Mesmo quando treinava e precisava manter-me ativo, preferia uma corrida (que também não sou muito fã), abdominais e uma academia local. Meu negócio sempre foi entre quatro bordas mesmo.

Mas, voltando ao que me motivou a escrever este post, primeiro, queria desejar um ótimo 2014 a todos, com muita Saúde. Segundo, ao ver alguns bons resultados já nos primeiros dias do ano, fica claro que estes atletas não passaram o reveillon em férias, mas sim treinando. Alguns inclusive já no dia primeiro! Acreditem, eu passei por isso.

829207-magnussen

Magnussen: perder ano novo do Rio, ok, mas carnaval de Divinéia?

Fiquei lembrando de alguns feriados que simplesmente foram ignorados, outros com uma rápida parada. Ano Novo no avião? Já tive esta experiência ao ter que viajar para a Copa do Mundo na Austrália. Noutra vez estávamos lá vendo os “fires the artificies” (esta é só para quem conhece a história) na passagem do ano.

Carnaval? Quando em Belo Horizonte passei alguns anos em Divinópolis, no interior,  com colegas de república. Mais perto e, portanto, menos cansativo para o bate volta. Não conhece o carnaval de Divinéia? Pois é, eu sim.

Claro que os sacrifícios eram amplamente compensados na maioria das vezes e não sentia nenhum arrependimento daqueles treinos com muita gente de ressaca ainda.

Magnussen não deu seu 12o. 47s nos 100m livre, o primeiro de 2014, tirando longas férias natalinas…

 

Leave a reply

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>