A ciência australiana e o 1% que faz diferença

A ciência esportiva ajuda a ganhar aqueles preciosos centésimos que fazem a diferença entre a cor de uma medalha. Neste vídeo do campeonato australiano, dá para entender porque eles devem ser sempre considerados fortes adversários.

Sim, grande parte também é feita no Brasil, mas me impressionou a questão do programa para os técnicos terem um feedback automático. Além disso, não sei exatamente quais nadadores tem direito a fazer parte deste programa, mas pareceram muitos…

 Crianças, não tentem a parte da água gelada.

[youtube id=”UVT0_DqKvm8&list=UULzqQ_o5w8RIyKISU3st2IQ&index=7″]

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.




Arquivos

Categorias