Secretaria de Esporte e Lazer recebe primeira etapa do projeto Cidades da Copa

Publicado em14/05/2013, aqui

PBH

A Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Smel), que fica na avenida Afonso Pena, 550, no Centro, sediou na última semana o lançamento do projeto Cidades da Copa, iniciativa que faz parte do Movimento pelo Legado Social dos Megaeventos Esportivos, apoiado pela Rede de Esporte pela Mudança Social (REMS), pela Unicef e pela ONG Atletas pela Cidadania .

O projeto é composto por três etapas, que vão discutir o legado social de megaeventos esportivos como a Copa do Mundo de 2014 e os Jogos Olímpicos de 2016, as dimensões sociais do esporte e o direito à prática esportiva. O objetivo é elaborar um plano de ação esportiva para todos e construir uma plataforma de oportunidades para os anos seguintes aos megaeventos.

Na primeira etapa do projeto foram realizadas três palestras no auditório da Smel, ministradas pelo secretário adjunto de Esporte e Juventude de Minas Gerais, Rogério Romero, pelo professor e coordenador do curso de Educação Física da PUC Minas, Daniel Marangon, e pelo coordenador do Instituto Esporte Educação, Rodrigo Paiva. Todos falaram sobre o impacto dos megaeventos na oferta de oportunidades de práticas esportivas em Belo Horizonte e nas demais cidades-sedes. As próximas etapas ainda não têm data programada, mas a segunda será voltada para a mobilização e elaboração do Plano Municipal, onde serão desenvolvidas as articulações e discussões com o governo. Já na última etapa, haverá a apresentação e a implementação do plano.

“Através do Projeto Cidades da Copa, vislumbramos gerar oportunidades no meio esportivo, além de dialogarmos com a sociedade os legados que os megaeventos podem deixar para a nossa cidade”, explica Bruno Miranda, secretário municipal de Esporte e Lazer.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.




Arquivos

Categorias